cartdowneyefacebookfilterheartinfo-barsinfo-cardinfo-packageinfo-truckinstagrammailnextordersprevioussearchtelephonetwitteruserclose
09/03/2021

Guia prático de moda fitness

Guia prático de moda fitness

Muitas pessoas já contam com a rotina de exercícios em seu dia a dia. Seja na academia, correndo ao ar livre ou com práticas aquáticas. Assim, um ponto que caminha junto a essas práticas é a escolha de roupas apropriadas para cada atividade. Afinal, academia não precisa ser sinônimo de desconforto, basta pensar no look certo para cada ambiente.

A partir dessa necessidade, a moda fitness é um assunto cada vez mais presente. Mostrando que a rotina de exercícios pode ser mais tranquila com a peça certa e mais bonita com boas combinações entre os modelitos.

Para não errar nessa escolha, separamos algumas informações sobre tipos essenciais de roupas para academia. Como escolher e formas de combinar cada peça. O que vai ajudar você a sair de casa com extrema autoconfiança para melhorar ainda mais sua saúde. Confira!

Checklist: 9 peças indispensáveis na hora de malhar

Ao combinar autoestima com bem-estar, sempre pensamos em peças mais largas ou roupas mais estilosas, certo? Porém, a moda fitness não está fora desse ideal. Podendo oferecer itens bonitos, combinações interessantes e superconforto durante as atividades.

Para começar, há itens muito cobiçados por quem quer perder alguns minutos na esteira e na bicicleta. Outros para a hora da musculação ou mesmo fitdance. Dentre estes, algumas peças não podem deixar de existir no guarda-roupas. Listamos 9 dessas opções para ajudar na busca, olha só!

1. Calça Legging

A calça legging é a queridinha dos amantes de academia, ela é flexível, resistente, prática e pode ser combinada de diversos jeitos. Porém, há alguns detalhes que podem variar, então é necessário atenção na compra.

Dentre esses detalhes, a legging caminha entre muitos tipos de tecidos, como exemplo há as calças em poliéster com um toque mais grosso e menor elasticidade, em poliamida com características mais sedosas (aquela que fica geladinho no corpo), tipo lycra com bastante elastano ou mesmo a nova suplex, com tecido mais macio (próximo do algodão), porém ainda leve e com ótimo caimento.

2. Top

Os tops são ótimos para usar no verão, ao ar livre ou quando o treino será longo. Eles, porém, possuem formatos e medidas certas para cada tipo de seio. Mulheres com o busto mais largo devem priorizar a sustentação, comprando tops que suportem alto impacto para corridas e firmeza, como os em estilo nadador. Enquanto isso, as opções para seios menores focam na estabilidade e podem ser encontradas como peças mais trabalhadas, com decotes e cortes diferentes.

top para academia deve ser sempre adequado ao tipo de corpo não apenas por questão estética, mas para evitar problemas de coluna, dores musculares e desconforto durante o exercício. Além disso, ele pode ser usado como peça única ou combinado com regatas e camisetas, tudo depende do exercício, clima e gosto.

3. Regatas e camisetas

As regatas e camisetas são usadas diariamente, geralmente revezando ou em conjunto com os tops. Elas ajudam tanto em épocas quentes quanto no inverno e outono, tudo depende do tecido que você escolhe e o modelo em si.

As principais recomendações são as de tecidos leves, como poliamida e poliéster, que ajudam na absorção do suor sem causar incômodo e secando rapidamente, além de apresentarem opções inodoras.

Outro detalhes é que, atualmente, há camisetas e regatas que têm filtros UVB e UVA, protegendo dos raios solares durante uma caminhada ou corrida. Essas opções podem também ser encontradas em blusas com manga comprida, que, mesmo retendo mais o calor, é feita especificamente para ajudar na ventilação do corpo nos dias frios.

4. Body

O body é uma peça adequada para algumas opções de uso. Ele pode ser usado como conjunto mais formal, substituindo aquela baby look básica ou mesmo estar presente nos looks de academia, lembrando que os modelos sempre serão presos entre as pernas e devem ser cobertos por uma segunda peça.

A última opção condiz com os bodys mais justos combinados com legging, shorts-saia ou mesmo calças de tecido solto, porém, não são recomendados para todos os exercícios, a pessoa que opta pelo body deve se atentar à sua fixação e direcioná-lo para danças, corridas ou levantamentos de peso, para exercícios de intenso alongamento opte pelo top ou regatas.

5. Shorts

O shorts e bermudas são ótimos para exercícios ao ar livre. Eles substituem facilmente as calças e ajudam em exercícios que exigem maior flexibilidade, exposição e ritmo. Muitas pessoas optam pelo shorts em corridas, danças e caminhadas, por exemplo.

Um ponto de atenção é que os shorts pode ser confeccionado com tecidos soltos e leves ou com dupla camada, sendo justo por dentro e solto por fora. Essa segurança ajuda no rendimento de cada atividade e estimula o exercício.

6. Short-saia

O shorts saia é um modelo que voltou à moda e está superpresente nas academias. Ele é muito usado com tops e regatas e pode ser comprado em cores lisas, estampadas ou mesmo com cortes diferentes.

Geralmente, o shorts saia tem um tecido semelhante à legging em sua parte interna e é mais soltinho na parte externa, ajudando a movimentação.

7. Macacão

Mesmo ainda não muito comum, o macacão é lançamento na moda fitness, conquistando o armário de muitas mulheres que prezam pela elegância e praticidade. A peça única é justa e leve, feita em tecidos que absorvem rapidamente o suor e secam com facilidade.

O macacão é muito usado com tênis para exercícios no interior da academia, como musculação, corrida na esteira ou bicicleta, além disso, é presente na rotina de quem faz pilates, danças e atividades aeróbicas.